Saturday, November 12, 2016

Por que fazer pesquisa de mercado para lançar um produto nos EUA?

Podem falar o que quiser dos Estados Unidos mas aqui ainda é o maior e melhor mercado mundial. Você pode até questionar e dizer que é a China.

A China pode até ser em tamanho mas não o melhor, não o mais fácil, não o mais organizado. Como sabemos, fora a língua, a China com sua cultura milenar e sistema de governo, complica e muito para o empresário estrangeiro. O mesmo não acontece no território americano.

Mas como lançar um produto nos Estados Unidos? Por onde começar? Como saber se meu produto será aceito ou não nesse mercado? Qual o melhor preço? Quais os meus concorrentes?...fora outras perguntas e respostas que o exportador brasileiro tem que saber.

A reposta é simples por um lado mas complicada para quem resiste a realidade. E pasme você leitor que a maioria esmagadora dos empresários/fabricantes brasileiros resiste a simples resposta: 

Pesquisa de mercado!


Mas aí você pergunta, mas por que resiste? Resiste por que? Primeiro porque não querem pagar pelos serviços. Segundo, pela falta de cultura empresarial.

Se baseiam nos “amigos”. Se os “amigos” estiverem bem informados terão melhor chance de sucesso. Mas se os “amigos” forem...deixa para lá o adjetivo...terão uma grande chance de tomarem decisões erradas e assumirem compromissos financeiros desastrosos, muitas das vezes com consequências legais quase que irreversíveis!

Você acha que estamos exagerando? Pode acreditar que não. Se ainda dúvida, incentivamos à você fazer a sua própria “pesquisa”aí mesmo no Brasil, e perguntar aos que tentaram lançar um produto aqui nos Estados Unidos sem pesquisa de mercado.

Mais uma vez, a maioria chega aqui, abre a empresa, traz o produto, e tenta de uma maneira ou outra ajudar o sistema a realidade que montou. Imagina o que acontece?

Nós como consultores, somos adeptos a pesquisa de mercado. Somos defensores, e a cada dia mais convencidos estamos do seguinte: quando você entende a indústria, você entende o mercado mas a recíproca não é verdadeira.

O mercado é raso. O mercado é o que você vê quando sai na rua. A indústria é a parte mais profunda que dita o mercado. Por isso todos os segmentos se referem como a indústria não necessáriamente uma fábrica.

Se você entender a diferença dos dois, suas chances aumentam e aumentam muito. Você consegue navegar com muito mais segurança no mercado e tomar decisões muito mais precisas.

Nós mesmos aplicamos nas nossas experiências empresariais a pesquisa de mercado, tanto nas oportunidades de exportar para o Brasil ou negociando para exportadores brasileiros que querem nos contratar para exportar para cá.

Recentemente estávamos negociando uma grande marca de material de cozinha e/ou restaurante para o mercado brasileiro. Material muito bonito com um preço Fob americano bem competitivo. Quando colocamos todos os custos e fizemos uma pequisa de mercado no Brasil,  a operação não se tornou tão atrativa aos interessados. 

Isto posto, como se diz nos Estados Unidos, nós colocamos dinheiro onde nossa boca está. Ou seja, nós fazemos o que pregamos. We put our money where our mouth is.

Se você que está lendo essa matéria, considera lançar um produto nos Estados Unidos, invista em um pesquisa de mercado. Você não imagina o tempo, a dor de cabeça e o dinheiro que você pode enconomizar.

No comments:

Post a Comment