Thursday, August 27, 2015

Condado de Miami-Dade fala na Câmara de Comércio Estados Unidos Brasil


No dia 19 do corrente, Vivian Walters Jr, diretor da  Divisão de Desenvolvimento de Pequenas Empresas do Condado de Miami-Dade, falou aos empresários locais de como participar de um mercado com um potencial de compra de mais de US$ 1 bilhão de dólares.

De uma maneira bem diferenciada das concorrências que acontecem no Brasil que todos nós sabemos como, basta ver os noticiários brasileiros, o pequeno empresário baseado no condado que possui todas as licenças, com mais de 1 ano de existência dentre outros requerimentos de qualificação, uma vez qualificado, tem o direito por lei de disputar qualquer concorrência pública dentro do programa que lhe compete. 

Por exemplo, no exercício de 2013/204 mais de US$ 1.2 bilhões de dólares foram comprados pelo condado de Miami-Dade entre produtos e serviços. Deste orçamento, 20% são destinados às pequenas empresas. 

Realizado na cidade do Doral, o evento como sempre foi um sucesso com empresários locais, representante do consulado brasileiro e autoridades locais. Na foto o palestrante e esse blogger.

Para maiores informações e ver todas as fotos, favor acessar www.usbrazilchamberofcommerce.com 
As fotos estão na nossa página do Facebook no roda pé do home page. Aproveite curta página e torne-se nosso amigo.

Thursday, August 13, 2015

O que o empresário brasileiro pode aprender com o Donald Trump?

É sabido que religião, política e futebol não se discute...mas que o Donald Trump está revolucionando a história política americana, contrariando os “especialistas”, batendo record de audiência na televisão e em público, isso é fato. 

Como empresário e bilionário, Trump está mostrando ao mundo, que é de resultados e que divide para multiplicar. Como assim, pergunta você leitor?

Conhecendo a cultura americana como conhecemos, acreditamos que esse é um dos maiores ensinamentos que o Trump pode dar ao empresário brasileiro que pensa ou sonha em conquistar o mercado americano.

Caso você não saiba, segundo declaração apresentada à Comissão Federal Eleitoral de 92 páginas para se candidatar a presidente dos Estados Unidos pelo partido republicano, ele possui listado 150 fontes de renda e diz ter posição em mais de 500 companhias. Você não leu errado, 150 e 500! Isso gerou uma renda de US$ 362 milhões de dólares no ano de 2014.

Esse bilionário que promete fazer America um grande país de novo, make America great again, possui 23 ativos que valem mais de US$ 50 milhões de dólares, e cobra US$ 450 mil dólares para uma palestra.

Se você o acompanha, você verá o quanto ele fala de emprestar o nome dele, dividir para multiplicar, ter uma parte de um negócio ao invés do todo, usar leverage (alavancar em cima do potencial de cada um), enfim, para um empresário que se formou em finanças na conceituadíssima Wharton School of the University of Pensylvania, onde Warren Buffet, Elon Musk, também se formaram, ele não deve estar errado, porque assim ele acumulou US$ 10 bilhões de dólares. 


 Fica a pergunta: o que você acha de dividir para multiplicar? O que você acha de ter um pedaço do bolo, como se diz aqui, piece of the pie, ao invés de comer o bolo todo? Como você entende, juntar teu produto com quem tem know how e experiência?

Aqui nos Estados Unidos devido a competição predadora, é dito que no passado, se você tivesse uma boa idéia, era suficiente e você poderia ficar rico. Hoje, está valendo mais é quem leva e propaga a mensagem de uma boa idéia, bom produto ou serviço.

Você está preparado para dividir?