Thursday, October 6, 2016

Furacão: vento forte e muita especulação!

É tempo de furacão. A temporada iniciou dia 30 de junho e vai até 30 de novembro. O furacão Matthew que já fez estrago no Haiti e Cuba, acaba de chegar nas Bahamas e está a caminho do Sul da Flórida, tendo inicalmente o Condado de Palm Beach na reta.

Não tem como negar, mas a população está em pânico aguardando um furacão de categoria 4.

Mas como sabemos, furacão é muito imprevisível e essa rota pode ser mudada a qualquer momento.

Em situações como essa onde existe a possibilidade de um desastre natural, é comum ver o lado bom e ruim das pessoas. Eu diria o lado muito ruim!

Assim como os furacões são classificados como monstros pelo poder de destruição, no entender desse blogger e de muitos americanos, existem muitos “monstros” circulando no nosso meio, tirando vantagens da dor das pessoas.

Esses aproveitadores, abusam nos preços e condições de abastecimento de vários produtos. O que a lei americana chama de price gauging é crime!

É muito comum você encontrar uma especulação de preços absurda. Você depara com uma especulação desenfreada na comida, na água, no gêlo, no bujão de gás, na madeira, em vários hotéis! Sim, hotéis! 

Isso acontece em vários produtos de primeira necessidade que o governos sugere para os que são atingidos, adquirirem para atravessar esse período.

Essa abominável prática é tão verdadeira, que o estado da Flórida junto com os condados que serão atingidos, já declaram um telefone 1800 para reclamação e denúncia!

Veja essa bela demonstração publicada pela Leguna com o título Hurricane Wind Damage Explained Using UFX. Você conseguirá visualizar um pouco os efeitos devastadores das categorias 1,2,3,4 e 5. 

Lembramos à vocês que na vida real é muito assustador. Quem viveu o furacão Andrew categoria 5 aqui em Miami, que nem eu e milhares viveram, tenha certeza que nunca esquece!


  

No comments:

Post a Comment