Wednesday, December 23, 2015

Amazon.com e a nova estratégia de distribuição: Boeing 767

Muitas das vezes quando fazemos consultoria de marketing de massa aos clientes que chegam à nós, insistimos no tópico:  distribuição. Muitos acreditam que é só colocar o produto em Miami e mais nada. 

Como fazer para ter certeza na entrega? Como fazer para saber que quem vai entregar a mercadoria, fará com velocidade e eficiência?

A questão de distribuição é tão forte com os compradores de maior porte, que muitos só aceitam comprar de você, se a empresa XYZ Delivery fizer a entrega. Eles os compradores, indicam as opções que querem. Geralmente são empresas que já trabalham com eles há anos, possuem todos os certificados e seguros. Como se diz no Brasil, uma “máquina azeitada”.

Cabe ao exportador brasileiro aceitar ou aceitar a condição imposta caso queira fazer negócio com esse grande comprador! Isto posto, é bom ter uma boa idéia de custo de entrega no depósito do potencial comprador antes de qualquer negociação de porte. Isso é fato!

Mas qual o motivo dessa abertura?

A gigante Amazon.com está negociando o leasing de 20 Boeing’s 767 para fazer entrega mais rápida, principalmente na época do Natal. Você não leu errado, 20 Boeing’s 767! A empresa que reduzir os atrasos quando terceiriza os serviços usando outras companhias.

Paralelamente a Amazon prestaria serviços para a UPS e Fedex criando um tremendo impacto no mercado de carga.  Enquanto isso a logística no Brasil...

No comments:

Post a Comment