Friday, July 22, 2011

Pro Forma Invoice é coisa muito séria aqui nos Estados Unidos! Mas o que é isso?

Nesses 20 anos fazendo negócios com o Brasil chega a ser assustador a falta de entendimento que muitos brasileiros possuem em relação a um documento de exportação chamado Pro Forma Invoice.

Ou entendem, mas não acreditam que a repercussão negativa quando não honram uma Pro Forma Invoice pode ser devastadora, ainda mais se for produtos de valor alto.

Não honrar uma Pro Forma Invoice causa situações delicadíssimas; podendo até mesmo ter processo  aberto pelo exportador devido a frustação da expectativa de vendas. Ou seja, um prejuízo e um stress para todas as partes envolvidas. Ah se o Brasil pudesse saber quem já foi processado aqui nos States...

Não saberíamos mensurar a quantidade de vezes, isso o que sabemos, nem contabilizamos o que não sabemos, mas a quantidade de vezes que o importador brasileiro pede uma Pro Forma Invoice e não honra.

Mas o que é uma Proforma Invoice?

Antes de responder o que é, iremos responder o que com certeza não é. Pro Forma Invoice não é cotação e não é brincadeira. Pro Forma Invoice aqui nos Estados Unidos é levado muitíssimo a sério.

Para você leitor que nunca viu esse termo, em resumo, é como se fosse uma Pré Nota Fiscal, uma Pré Fatura Final. A Pro Forma Invoice é como um documento que é apresentado para iniciar todo processo burocrático porque o comprador já aceitou as regras do jogo e já se comprometeu. Diríamos que ele "já assinou" o contrato. Quando a mercadoria embarca, a Pro Forma Invoice é trocada pela Commercial Invoice, que diríamos é a Nota Fiscal ou Fatura definitiva. Visualmente é idêntica. A única diferença é o título e geralmente algumas pequena instruções devido à alfandêga do país de destino.

A gravidade do desdém de vários importadores brasileiros, é que o teor jurídico de uma Pro Forma Invoice, é como se fosse um contrato em as duas partes, exportador e importador, onde o importador diz que concorda com os termos  apresentado pelo exportador americano. O negócio já foi “selado”, e o exportador americano espera o pagamento conforme acordado. Simples!

Nosso conselho à aqueles que pensam em um dia pedir uma Pro Forma Invoice.

Se por acaso você é importador brasileiro, e passa na sua cabeça pedir uma Pro Forma Invoice ao seu exportador, se tem dúvidas que irá honrar…nem ouse pedir tal documento para não manchar a relação comercial e causar um prejuízo desastroso!

Depois de tudo que você leu, deixamos duas perguntas para finalizar:

Como você acha que um americano adjetiva a empresa que não honra um contrato?
Como você chama ou classifica uma empresa que não honra um contrato?

No comments:

Post a Comment