Thursday, November 24, 2011

Black Friday! O que tem haver com o pirão brasileiro?

Hoje a população americana começa a se posicionar estratégicamente para a largada de Black Friday. Os mais afoitos…diríamos até mesmo os que possuem mais tempo, para não classificarmos com outro adjetivos, começam a “acampar” nas portas das grandes lojas já na quarta-feira! Best Buy, Target, Macy’s para mencionar algumas. Opa, mas não é sexta-feira que as grandes liquidações começam nos Estados Unidos?

Sim e não. Sim no calendário oficial que o país tenta a seguir há anos. Não porque a crise e a internet mudaram e estão mudando tudo. A crise fez com que grande lojas formadoras de opinião antecipassem o horário. A internet fez com que os internautas fossem para os computadores e não para as lojas. Hoje às 10 da noite muitos websites já começam a vender.

Por exemplo, o tablete que já existe há quase 20 anos! Você sabia disso? E que milhões de dólares já foram gastos no passado para lançamento e tinha fracassado, voltou com força total quando a Apple lançou o Ipad com o legendário Steve Jobs.

Ano passado apesar de todo o barulho fabricado ou não pela mídia, o Ipad não passava de um produto que estava sendo descoberto e “especulado” pelo consumidor americano.

Durante o Thanksgiving e Natal do ano passado, praticamente a pergunta era: para que serve esse tablete? Hoje todos nós sabemos e estamos quase que dependents de Ipad e Iphone ou qualquer tipo de instrumento inteligente. Isto posto, os lojistas estão disputando o comprador de tablete de uma maneira acirrada, cada um querendo pular na frente do outro porque de um modo geral os preços são quase que tabelados.

O Associação Americana de Eletrônico (Consumer Electronics Association) diz que os americanos deverão gastar quase US$ 250.00 por pessoa em produtos eletrônicos nesse final de ano.

Até aí entendi tudo mas e o pirão? Onde entra no Black Friday?

Na antecipação das compras. O país está em crise e não pode negar. As lojas sejam virtuais ou não “bombam” na imprensa ou na net que irão abrir o mais cedo possível.

Como o crédito está apertado, os cartões de créditos já estão de olho na inadiplência, os lojistas esperam que antecipando os horários de compra, você com o seu dinheiro, com a sua farinha, gaste no pirão dele que é a loja. Farinha pouca, meu pirão primeiro! Entendeu?

Se você acha que não é assim, já tem muito lojista querendo abrir o Black Friday na quinta-feira. Ou seja, querem lançar o Black Thursday! Pelo visto, ficará black (positivo) para o lojista e red (negativo) para o consumidor.

No comments:

Post a Comment